São só nuvens!

Ultimamente tenho reparado muito nas nuvens. Nunca me tinha acontecido, mas agora parece que todos os dias lá estão as nuvens, com todas as formas e feitios, nuvens branquinhas, não nuvens de chuva.

Em criança vivi no campo e uma das brincadeiras que mais gostava era exatamente olhar as nuvens e apreciar as suas formas. Passava horas nisto com quem me acompanhava.

Torna-se interessante parar e contemplar. Antes não o fazia, não me apercebia do que me rodeava. Todos vivemos no rebuliço das atividades do dia. Entre trabalho, casa, família e afazeres. As atividades que nos permitem descansar e divertir poucas vezes se remetem à natureza, ao ambiente e à própria contemplação.

Acredito que deste tempo de quarentena, afastamento social e mudança das nossas rotinas e hábitos irá nascer algo novo. Acredito no crescimento pessoal, na elevação de mentalidades, no amor, na empatia e no carinho pelo que nos rodeia. Acredito que de algo mau irão resultar muitas coisas boas e isso já tem acontecido. Muitos se têm mostrado recetivos e voluntários a ajudar o próximo, seja com bens alimentares ou com simples sorrisos de quem passa e nos oferece a sua força como pode.  

São simples nuvens, mas apercebi-me de diariamente reparar que estão ali. Antes não acontecia e sempre estiveram ali. A primavera começa a florescer, as flores a brotar e os pássaros a cantar. Não podemos sair, mas podemos contemplar do nosso cantinho. Podemos ouvir, cheirar e ouvir o que nos rodeia.

É um sentimento de gratitude que nos faz ter um pouco de esperança. Experimentem absorver o que vos rodeia, experimentem sentir-se gratos pelo que têm! Não é de ontem esta mudança nas nossas vidas, mas foi a partir de ontem que comecei a ter outra perspetiva. Nada tem de ser mau!

Acima de tudo, sejam felizes em casa!

Últimos artigos

Telesono

Hoje é segunda feira, a bem-dita temerosa segunda- feira. Mesmo estando a trabalhar de casa continua a...

São só nuvens!

Ultimamente tenho reparado muito nas nuvens. Nunca me tinha acontecido, mas agora parece que todos os dias...

Sobre hoje

Nem todos os dias são dias bons. É normal, dizem, assim nós acedemos como verdade.

Olhe por si!

Hoje de manhã ao levantar-me olhei ao espelho e vi a cara de um estranho a olhar para mim. O cabelo estava...
Artigo anteriorSobre hoje
Próximo artigoTelesono

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here