Vamos manter-nos ligados

É verdade, nem todos estamos em teletrabalho ou telescola, sorte a nossa de quem pode! Já pensaram nisso? Talvez quem está a conseguir “manter a sua rotina” não sinta como nós nos sentimos em casa, mas conseguem estes mesmo manter a rotina? Receio de tocar em tudo, receio de se contagiar, receio de levar a doença para casa ou de a transmitir por onde passa! Já pensaram em como quem está em casa tem sorte?!

Estamos todos “fechados em casa” e é tão importante que não fiquemos sozinhos, isolados e distanciados dos nossos. Nossos familiares, amigos, colegas de escola e colegas de trabalho. Devemos ao máximo manter as nossas amizades e relacionamentos com os nossos. Digo nossos porque nesta altura não nos podemos dar ao luxo de pensar que não são nossos nem um pouquinho, têm de o ser. De todos aqueles que sentimos falta!

Como anular a distância entre as casas que nos separam?! Vivemos numa altura em que quase todos temos facilidade em aceder a internet, e existem tantas ferramentas grátis para nos conectarmos. A quem queira mandar uma mensagem, fazer uma chamada de voz ou até uma chamada de vídeo. Se há algo que podemos agradecer é que realmente a tecnologia esteja a este nível evoluída, onde podemos até ajudar a nossa avó a escolher o batom mais giro para o dia!

Devemos todos não negligenciar a importância da socialização e de nos mantermos ativos mentalmente, quem melhor para isso do que os nossos?  Esta fase não é difícil só para alguns e não é o vírus o único perigo. A quem se sente inteiro, completo e sem qualquer insatisfação, que bom! Mas um nosso amigo pode estar a sentir-se um pouco diferente, a nossa tia pode estar a “fritar a pipoca” por estar em casa à quase um mês e até o nosso vizinho pode estar em ânsia, de que alguém lhe dê uma palavrinha, aquele senhor velhote que olha pela janela a cada voz que ouve na rua, na esperança de que seja alguém seu!

Somos um povo que se importa com os seus e com os que o rodeiam! Cumprir a quarentena é a primeira regra básica. Depois disso realize o que o deixa feliz e bem com o mundo e consigo. Não espere que sejam os outros a contactar nem a pedir ajuda! Não espere que alguém o ajude! Faça por si e pelos outros, porque somos assim, um povo que se importa.

Aqui ficam algumas sugestões de aplicações e plataformas úteis e gratuitas:

  • WhatsApp
  • Messenger do facebook
  • Facebook (óptimo para encontrar aquele amigo que se mudo e perdemos o contacto)
  • Instagram
  • Telegram
  • Zoom (pacotes grátis têm limite de tempo)

Últimos artigos

Telesono

Hoje é segunda feira, a bem-dita temerosa segunda- feira. Mesmo estando a trabalhar de casa continua a...

São só nuvens!

Ultimamente tenho reparado muito nas nuvens. Nunca me tinha acontecido, mas agora parece que todos os dias...

Sobre hoje

Nem todos os dias são dias bons. É normal, dizem, assim nós acedemos como verdade.

Olhe por si!

Hoje de manhã ao levantar-me olhei ao espelho e vi a cara de um estranho a olhar para mim. O cabelo estava...
Artigo anteriorOvos de chocolate especiais
Próximo artigoOlhe por si!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here